Seguidores

New Translator....

quinta-feira, 1 de abril de 2010

Teimosa

Teimosa


Nos mares que tu ama, quero nele navegar

Quero a espuma das ondas e as sereias fitar

O azul vibrante do céu, sob ele te amar

Quero longes lugares ver, contigo no meu lugar

Distante a solidão, pois nos mares sereis areia

Gosto do vai e vem d’água e quero sonho

As luzes ao entardecer, meu pensamento vagueia

Quero o beijo da menina

Sentir a prisa passar

Ter ilusões maiores

Poder desconfiar

Ser preso no teu julgar

Bebericar desejos

Me alimentar

Nesses mares às vezes calmos

Turbilhões nascem do nada

É porque não acreditas

Que pode nele achar

Tudo aquilo que procuras

Passa pela ilha sem olhar

Fica depois sabendo que ali

Era teu lugar


Ulisses Reis®

11/02/2008




4 comentários:

fatti___ disse...

Celebrar a Páscoa,
significa celebrar a "Vida"
Celebrar a Páscoa
é deixar morrer tudo que há de "menor" em nós
(os defeitos, as incompreensões, a falta de amor...)
e deixar "ressurgir, ressuscitar" tudo que temos
de bom, de grandioso em nós.


carinhosamente...

fatti___

Edi Xavier da Guirra disse...

Um belíssimo poema que me fez viajar e nele me imaginar. Este poema sou eu... Parabéns mais uma vez tanta sensibilidade nos sentimentos que transcrevem às palavras.

ursinha disse...

Maravilhoso
Aproveito e passo pra desejar uma feliz pascoa e para te convidar a entrar na campanha de pascoa alimente a ursinha com chocolate ou substitua com velas ou agulhas ....
bjs de mel
ursinha

Crys disse...

Lindíssimo...adorei este poema...bjs