Seguidores

New Translator....

sexta-feira, 1 de junho de 2012

Açúcar e Canela

Açúcar e Canela

Se não me toca o coração
Não a muito sentido na vida
E digo isso sem que envolva
Contato e carne, e sim paixão
Pelas belas coisas que vejo
Os sabores que não esqueço
A memória visual do olhar
Aquele que se pronuncia
Que vem de dentro e faz magia
Nos deixa leve e feliz
Que acolhe e nos serve afago
Acaricia a alma e da um sorriso
E disso que sempre preciso
Coisa simples, manga doce
Pão caseiro e café feito agora
Aroma delicioso, feitiço de mãe
Bolinho de chuva, açúcar e canela
O que da sentido a vida

Ulisses Reis®
14/02/2011


7 comentários:

♥♥♥Ani♥♥♥ disse...

Boa noite Ulisses


Também acho que as coisas simples é que dão verdadeiro sentido à vida.

Beijos
Ani

ღ Míìh..ღ disse...

Ulisses ,nossa! fiquei sem palavras ,
A-D-O-R-E-I o poema q deixaste lá.

Lindo,lindoo!!obrigada vai ser meu proximo post.

Beijos meus...ahhh concordo que é falta de jeito viu rss..um ótimo fim de semana p vc!

aldrey disse...

Linda poesia...tenha uma linda semana bjsss

Dayse Sene disse...

Delícia tudo isso
"Coisa simples, manga doce
Pão caseiro e café feito agora
Aroma delicioso, feitiço de mãe
Bolinho de chuva, açúcar e canela
O que da sentido a vida"
São nas coisas simples, que mais temos chances de descobrir a felicidade. Não sei porque as pessoas complicam...
Obrigada pela visita em meu blog. Um grande abraço. Um belo dia.

Nathy Avelar disse...

Uhul... O que comentar? Melhor nem comentar, você já disse tudo...
Estou seguindo teu blog e voltarei para visitá-lo outras muitas vezes....

http://senhoritamoca.blogspot.com.br/

María disse...

Magia y luz en tus palabras que dejan sabor a lluvia.

Un beso.

Mônica Martins disse...

Singularidade...Detalhes...Sensações...É a vida acontecendo,sem pressa...sorrateira...enriquecendo,consolidando nossa existência.Um êxtase!!!! Valeu a contribuição,amigo poeta!!!Grande abraço