Seguidores

New Translator....

domingo, 17 de outubro de 2010

Wild Side


Wild Side

Lendo aqui, sobre o sujeito
Você não imagina a musica
Que escuto e tudo me inspira
É um lado selvagem, não zeloso
Aqui não existe algo cuidadoso
E assim tem toda atenção
Mas estamos do outro lado
Aquele que Lou Reed chamou
De selvagem
Mas tem lugar para a manhosa
Que desfila, pensa poderosa
Todos aqui são rosados
Mas nenhum anjo abobada
Continuo a sentir o escrito
Mas me parece um sujeito
Que nas curvas dessa mulher
Esta completamente frito
Pois ela esta desse lado
E aqui o ardil é conteúdo
Ninguém é ou será servil
Walk on the Wild Side
Ela e eu ficamos bem
Aqui desse lado é melhor
E mande o sujeito embora
Depois que foi usado
Nada beijo, deixe ele ai
Abandonado

Ulisses Reis®
09/10/2010


Vídeo:
http://www.youtube.com/watch?v=WZ88oTITMoM

4 comentários:

Vozes de Minha Alma disse...

Belíssimo poema.
Estilo forte e arrebatador.
Um abraço.

Amor feito Poesia disse...

AMAR É A RAZÃO DA VIDA,DO SORRISO ABERTO E FELIZ, AMAR É CONQUISTAR AMIGOS COM AMOR DE VERDADE

(VIDAH)

Feliz Semana com amor e Poesia! M@ria

vibailarina disse...

Obrigada pelo poema....amo poesia....principalmente aquelas dedicadas a mim.....guardarei p sempre....bjs lindo.

REGGINA MOON disse...

ULISSES QUERIDO!

NOSSA!!!QUE LINDA POSTAGEM E VERSO!!
VOCE É SEMPRE SURPREENDENTE....ADOREI!

PARABÉNS!

UM GRANDE BEIJO MEU REI....E UMA LINDA SEMANA!!

REGGINA MOON